Há muito tempo atrás...

Auto-retrato1

 

Achei essa fotografia, um auto-retrato feito há mais de 30 anos. Eu tinha cabelos e eram pretos. Foi feita com uma Praktica MTL-3, uma câmera fotográfica reflex, com montagem de rosca para as lentes, produzida na então Alemanha Oriental pela Pentacon e colocada à venda no comércio brasileiro – legalmente – na década de 80. Era o que eu podia comprar e assim foi.

Fiz muitas fotografias familiares e ensaiei alguns princípios da fotografia de paisagens. Vendi um dia, como vendi todas as minhas câmeras de filme mas estava com saudades delas. Daí, comprei recentemente uma Kiev-19, usada, mas em estado de nova, fabricada na Ucrânia em 1987 e ando me divertindo por aí queimando alguns filmes vencidos (mas conservados em freezer). É uma delícia. Você aperta o disparador e ouve o som grave, pesado, um CLIC de verdade. E avança o rolo de filme pela velha alavanquinha. Mágica pura. Se tiver poeira no quadro do negativo, vai embora na próxima foto! Que coisa maravilhosa não precisar limpar sensor, como nas digitais vez por outra!

Pelo menos enquanto houver quem ainda revele filmes (eu escaneio depois), sigo com minha Kiev-19. E, quando sumirem de vez as opções de revelação de filmes pelo velho processo químico, essa eu não vou vender. Vou colocar na minha estante, junto dos meus livros. Mas espero que esse tempo demore a chegar ou mesmo que não chegue: a pós-modernidade poderia perdoar algumas antiguidades.

19/10/2018